Os tempos de espera dos táxis caíram 18% , enquanto a GMV cresceu <span>28%</span>

Os tempos de espera dos táxis caíram 18% , enquanto a GMV cresceu 28%

A demanda por táxis pode variar dependendo do bairro, do tempo e da hora do dia. A capacidade de prever onde vai chover nos próximos 30 a 60 minutos gera melhores previsões de demanda e melhora a distribuição de carros pela cidade. Graças ao Meteum prevendo onde e quando choverá com até 90% de precisão, um serviço de táxi reduziu os erros de previsão de demanda em 38%. O tempo médio de espera caiu 18%, já que os motoristas conseguiram se posicionar em antecipação aos picos de demanda. O índice de fidelidade dos motoristas da empresa também saltou 11% depois de o serviço facilitar a vida deles. Durante o tempo ruim, o GMV incremental aumentou 28%.